férias

Ontem foi um dia que terminou sob o auspicio da e de velhas amizades. E regado a Number Ten no seu final como recordando algumas façanhas menos honrosas de grande apreciador de gin tónico.

O meu maninho veio fazer as suas férias de da sua grande aventura africana e junto com o meu colega da faculdade G., jantamos ao som do futebol. Uma francesinha típica da nossa cidade com o cenário da derrota do verdadeiramente glorioso frente ao Sporting que estimulou um ar de desilusão. Porém esse desaire em casa do adversário não foi o suficiente para ensombrar uma noite de reencontros e de por a conversa em dia enquanto sorviamos as Sagres de lei.

Velhos amigos e veteranos de guerras académicas e afins recordamos episódios caricatos e memoráveis sentido a saudade de uma juventude física que já não temos, mas sabemos que os nossos ossos não são o estigma do nosso envelhecimento. As nossas mentes são bem abertas e do futebol à política mostramos a nossa abertura a jovens ideias e ideais. As questões existenciais, a paternidade, os de polvilharam a conversa deste terno de jovens que se recordaram dos tempos idos com encanto e humor. Os ossos podem estar mais perros mas as mentes estão ainda afiadas. Pena que a noite se esfumou tão depressa.

Posso dizer que sou um afortunado por poder usufruir de umas belas férias com a minha tribo. Coisas simples que espero conseguir repetir muitos anos.

Enquanto lá fora a brisa atenua o calor do estio, o meu filho dorme no meu colo.
Sinto a cara queimada do sol que apanhei durante a manhã e deleito-me com Detectives Selvagens de Roberto Bolaño que apesar de ser demasiado denso para as férias vou lendo com enorme sofreguidão. No ipod ouço o ultimo trabalho dos Hot Chip e faço horas que a minha cara metade volte das compras para lhe dar um beijo apaixonado e a convide para vir a piscina com a nossa princesa que de certeza vai pedir novamente que eu faça de golfinho. Se sobrar antes de jantar vou correr uns rápidos 7 quilómetros à volta do cemitério e da Igreja. Enfim férias em Agosto no seu melhor!

  • A melhor coisa que se faz em férias é não fazer nada… #
  • Eu corri 5.02 km
    http://go.nike.com/8kpq5ko #
  • Gostando irresponsavelmente ao Sol. #
  • Sol quente, moderadamente ventosa, South Central no ipod, jornal i e uma mulher linda ao meu lado. #
  • 50% das prendas de para o buraco que o Sócrates tão amavelmente nos deixou. E é só a ponta do Icebergue. esse Titanic #
  • "omalestafeito: no Natal vou oferecer IVA a toda a gente"
    –http://twitter.com/omalestafeito/status/86475271926059008 #
  • , Dona Ermelinda Reserva e boa companhia. #